Generic selectors
Exact matches only
Search in title
Search in content
Post Type Selectors

Ex chefe do Procon é preso por dá falsos descontos em multas

O investigado chegou a receber transferências, via pix, diretamente em sua conta bancária, tudo sob o falso argumento do possível desconto conseguido em favor do comerciante multado.

O ex-chefe do Instituto de Defesa do Consumidor (PROCON) de Formosa foi preso, nesta terça-feira (30/4), pela Polícia Civil do Goiás (PCGO) suspeito da prática do crime de corrupção. O investigado também foi imediatamente exonerado do cargo que ocupava.

Em operação denominada Desconto Final, foi cumprido ainda mandado de busca e apreensão na residência do suspeito e na sede do Procon.

De acordo com a polícia, o investigado aplicava multas em comerciantes locais e, posteriormente, informava aos mesmos que havia conseguido um “desconto”. No entanto, como condição, solicitava que o pagamento fosse realizado em espécie e diretamente em suas mãos.

O investigado chegou a receber transferências, via pix, diretamente em sua conta bancária, tudo sob o falso argumento do possível desconto conseguido em favor do comerciante multado.

A Polícia Civil do Estado de Goiás adverte os comerciantes locais que, caso tenham passado por situação semelhante, pagando pessoalmente em dinheiro ou fazendo alguma transferência em conta pessoal de algum servidor do Procon, poderão procurar imediatamente a referida unidade policial para noticiar os fatos.

As investigações seguem em andamento visando desarticular uma possível associação criminosa atuante no PROCON de Formosa/GO.