Generic selectors
Exact matches only
Search in title
Search in content
Post Type Selectors

Funcionário de hospital é morto a tiros e tem cabeça arrancada

De acordo com o secretário da Segurança Pública do Ceará, Samuel Elânio, a companheira do suspeito trabalha no local e o assassinato teria sido provocado por ciúmes.

Um funcionário do Hospital Instituto Doutor José Frota (IJF), em Fortaleza, Ceará, foi morto a tiros e teve a cabeça decepada na manhã desta terça-feira (23/4). O crime ocorreu no refeitório da unidade. Uma outra pessoa também foi ferida e socorrida.

De acordo com o secretário da Segurança Pública do Ceará, Samuel Elânio, a companheira do suspeito trabalha no local e o assassinato teria sido provocado por ciúmes.

Ainda de acordo com o secretário, o suspeito é ex-funcionário do instituto, demitido há mais de um ano. O homem teria conseguido entrar na unidade hospitalar por reconhecimento facial, que ainda estava ativo. O autor foi identificado, mas fugiu do local e está foragido.

Em nota, a Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS) informou que as forças de segurança estão buscando para capturar o suspeito que já foi identificado de cometer o crime. Ainda conforme o órgão, a principal linha de investigação sobre a motivação do homicídio aponta para crime passional.

O prefeito de Fortaleza, José Sarto lamentou o caso nas redes sociais.

“É inaceitável a violência em Fortaleza continuar do jeito que está. Hoje mais uma vez vivemos momentos de horror. Dois assassinatos brutais. A paralisia do Governo de Estado no combate às facções não parece ser apenas incompetência, mas também cumplicidade”, aponta.

Acionei as Secretarias de Segurança Cidadã, Educação, Saúde e Direitos Humanos para dar todo o suporte aos familiares das vítimas e aos nossos trabalhadores, a quem dedico toda minha solidariedade. Não permitirei que o acesso aos nossos serviços públicos sejam prejudicados pela insegurança”, conclui José Sarto.