Generic selectors
Exact matches only
Search in title
Search in content
Post Type Selectors

Mulher desliga sonda que alimentava filho em Goiânia

Ao entrarem na residência, os policiais encontraram uma criança de apenas três anos desacordada sobre o sofá

Uma mulher foi presa suspeita de desligar os equipamentos médicos que mantêm seu filho, que sofre de paralisia cerebral, vivo. A ação aconteceu após a Polícia Militar (PMGO), receber uma denúncia sobre atividades de tráfico de drogas na residência da família e o consumo de entorpecentes por um grupo de pessoas presentes no local.

Cinco pessoas que estavam na casa foram abordadas e com elas foram encontradas 34 porções de crack e 26 de cocaína. Além disso, um dos envolvidos admitiu ter furtado frascos de medicamentos da criança, intensificando a gravidade da situação.

Ao entrarem na residência, os policiais encontraram uma criança de apenas três anos desacordada sobre o sofá. Os agentes constataram que se tratava do filho da dona da casa que também é usuária de drogas.

A criança, que sofre de paralisia cerebral e depende de alimentação por sonda e oxigênio, estava em estado crítico, com os dispositivos desligados no momento da abordagem, conforme confessado pela mãe.

Os familiares do bebê relataram às autoridades que a mãe da criança havia recuperado a guarda dos filhos recentemente e recebido uma casa da prefeitura, porém, optou por utilizar o espaço como ponto de venda de drogas, em vez de proporcionar um ambiente seguro para os filhos